domingo, 29 de outubro de 2006

Galaxia - transformações



Trabalho realizado com Micrografx WindowsDraw6 Special Edition incluido em HP Creative Idea Kit

Imagem retirada de Microsoft Encarta 2005

Photovoltaics: Unlimited Electrical Energy From the Sun

O link para o artigo de onde foi retirada esta imagem é o seguinte:

http://www.nrel.gov/ncpv/documents/pvpaper.html

Telepatia ... Comunicabilidade

Faz alguns dias coloquei um post num outro blog em que falava de telepatia. Tive como resposta algo do género "estar com uma pessoa ao lado e senti-la a 1000 kms de distância ou sentir que alguem que está muito longe de ti te dá a sensação de ser a fusão de ti próprio, são dois sentimentos igualmente tristes; fazes melhor em buscar junto das pessoas que te são próximas...".
Curioso, como o conceito de telepatia provoca em pessoas que não se conhecem uma reacção de desconfiança. E até creio que têm razões para isso porque normalmente as pessoas associam ao conceito de telepatia algo de perigoso como, por exemplo, o desejo sexual ou a tentativa de uma pessoa controlar a mente do outro de forma a escravizá-la, ridicularizá-la e torná-la submissa. Para mim o conceito de "telepatia" é apenas e só a possibilidade de 2 pessoas se comunicarem através da mente, do pensamento que parece fluir à velocidade da luz. Será que que existe algo no Universo que nos permita comunicar uns cons os outros sem a utilização de qualquer utensílio? Será o Sol dado que é a estrela que rege o nosso planeta? Talvez, porque este fluxo rápido do pensamento parece ser mais lento nos dias nebulosos, mas tambem parece menos confuso, talvez porque é menor a quantidade de energia solar que chega até nós.
A imagem seguinte indica o princípio que poderá explicar ( ? ) a telepatia ou a comunicabilidade entre pessoas através do pensamento (a parte de texto talvez não seja perceptível a todos, pelo que em breve talvez a publique em formato de texto) sendo o Sol como que a central coordenadora que permitirá a cada um de nós filtrar o certo do erro, o bem do mal, etc.

Cumprimentos de Julio Ramalho

sexta-feira, 27 de outubro de 2006

Cores

A Paixão existe

A paixão existe ... sim e quando é real (quero dizer quando é sentida por nós no nosso interior) é um dos sentimentos que mais reforça a nossa vontade de viver, que nos transmite uma energia tal que dificilmente, nesses momentos de paixão sentida, alguem exterior à pessoa que povoa a nossa mente nos consegue atrair ou desviar para uma outra pessoa. Mas a paixão só o é na realidade quando é sentida por ambos. Nos meus tempos de juventude (tinha eu cerca de 21 anos) conheci uma amiga (sim, ao fim de quase 30 anos posso dizer a palavra "amiga" sem qualquer dúvida da minha parte) por quem senti um sentimento tal que o meu estado de espírito era de quase permanente alegria, em resumo senti que (se bem que a princípio não o pudesse afirmar) que estava apaixonado. Não vou aqui dar qualquer pista sobre quem é essa mulher, porque faz já um pouco mais de 18 anos que estive com ela em pessoa (um encontro casual numa estação de comboios) pelo que é contra os meus princípios (aqueles princípios que sinto no meu íntimo, mesmo que aqueles que me conhecem pessoalmente possam não se aperceber) usar este meio de comunicação para escrever sobre ela sem que lhe dê a oportunidade de ser ela a primeira a saber e (no caso de ela assim o entender) a ler o que eu estou aqui a escrever. Mas hoje, posso afirmar que foi e é a paixão da minha vida que já vai nos 50 anos. Por agora, fico-me por aqui porque outras tarefas me chamam.
Até breve!

Cumprimentos cordiais de Julio Ramalho.

domingo, 22 de outubro de 2006